Como atrair clientes com 6 tipos de anúncios no Facebook

Como atrair clientes com 6 tipos de anúncios no Facebook

6 Tipos de Campanhas do Facebook Que Você Pode Aprender Hoje

No Facebook, os anunciantes têm acesso a mais de 1.300 opções de segmentação (confira a lista na íntegra em inglês), 15 tipos de campanhas e mais de 2 bilhões de usuários. Não é à toa que a plataforma de publicidade do Facebook é utilizada por empresas de todos os tamanhos – de microempresas a organizações listadas na Fortune 100.

Embora possuir acesso a uma enorme variedade de opções de publicidade possa ser a realização de um sonho para os anunciantes, essa possibilidade também pode tornar o pontapé inicial uma tarefa assustadora. Caso você se sinta sobrecarregado, confira a seguir seis tipos de anúncios no Facebook e saiba como utilizá-los na sua empresa.

Aumente a conversão dos seus anúncios do Facebook com nossas fotos em alta resolução!

O Burst é um banco de imagens grátis criado pela Shopify. Encontre milhares de imagens de produtos e estilo de vida para usar nos seus anúncios do Facebook.

Baixe fotos grátis

1. Anúncios de captação de leads

Geração de Leads

Os anúncios de captação de leads tornam incrivelmente fáceis os processos de coleta de endereços de e-mail e criação de listas de e-mails. Com esse tipo de anúncio, seus prospects (clientes em potencial) poderão se cadastrar em uma lista de e-mails, entre outras coisas, com apenas o mesmo esforço necessário para curtir ou compartilhar um post.

A beleza desse tipo de anúncio é que o Facebook preenche automaticamente a maioria dos campos que os clientes em potencial geralmente precisam preencher manualmente, o que os torna muito mais dispostos a continuar o processo.

Se você pretende fazer a sua lista de e-mails crescer, os anúncios de geração de leads são uma ótima opção. Agora, você pode utilizar o Zapier para conectar seu anúncio de geração de leads ao seu provedor de e-mail. Os contatos novos serão automaticamente adicionados a uma de suas listas e inseridos em um fluxo de trabalho automatizado criado por você.

2. Anúncios de produtos dinâmicos

Anúncio de Produto Dinâmico

Os Anúncios de Produtos Dinâmicos (DPA, em inglês) são outra opção vantajosa. Grandes marcas, como Booking.com, que utilizam os DPAs estão começando a receber um ROI (retorno sobre investimento) comparável ao das buscas, por uma fração do valor.

Esse tipo de anúncio conecta o catálogo de produtos da sua loja virtual à sua conta de anunciante e ao pixel do Facebook. Quando alguém acessar sua loja online e, então, abrir o Facebook, visualizará um anúncio que apresenta os mesmos produtos que eles estavam conferindo no seu site. Como resultado, o anúncio exibido é incrivelmente personalizado e relevante.

Para criar um Anúncio de Produto Dinâmico, escolha Vendas do Catálogo de Produtos como objetivo de publicidade. Acredito que esse tipo de anúncio se tornará seu tipo favorito de anúncio muito em breve. Veja por quê:

Incrivelmente personalizado

Quando você faz um DPA, o conteúdo textual será exatamente o mesmo para todas as pessoas que o visualizarem, mas a parte visual será 100% única e personalizada, baseada no comportamento de cada consumidor no seu site.

Campanhas por tempo indefinido

Se você publica muitos anúncios, sabe quanto tempo pode levar para atualizar suas peças criativas, mas, agora, isso é coisa do passado. Com os DPAs, é possível configurar e se esquecer deles. Apenas lembre-se de monitorar o desempenho!

É possível alcançar múltiplos objetivos

Objetivos de Anúncio de Produtos Dinâmicos

Com os DPAs, você pode escolher quatro públicos para segmentar:

  • visualizou, mas não comprou
  • adicionou ao carrinho, mas não comprou
  • upselling de produtos
  • cross-selling de produtos (venda cruzada)

Com base no público que você definir, o anúncio será automaticamente otimizado para cada um dos objetivos. Novamente, essa medida economiza seu tempo e produz resultados melhores.

Resultados incríveis

Muitos dos maiores parceiros de marketing do Facebook estão tendo excelentes resultados com o uso dos DPAs. A Adphorus, um parceiro de marketing do Facebook que representa alguma das maiores marcas de turismo, verificou um aumento de 3x nas taxas de conversão (veja o texto na íntegra em inglês) e uma diminuição de 65% nos CPCs (custo por clique) com o uso dos DPAs. É fácil entender por que o ROI permanece tão alto: trata-se do anúncio mais personalizado, segmentado e relevante. É como criar um anúncio exclusivo para cada usuário do Facebook!

3. Anúncio para carrinho de compras abandonado

Carrinhos de Compras Anúncio

Estima-se que 60 a 80% dos clientes abandonam o carrinho de compras. Em outras palavras, a cada 10 pessoas que adicionarem um produto ao carrinho de compras, cerca de 7 delas deixarão sua loja virtual sem concretizar a compra.

Como fazer para que esses clientes voltem à sua loja online e finalizem a compra? Se você pensou em e-mails, está parcialmente correto. Infelizmente, menos de 10% dos visitantes do site fornecem seus e-mails. Isso significa que você conseguirá contatar apenas uma das sete pessoas que abandonaram o carrinho (com sorte). Ainda restarão seis leads dos quais você não possui nenhuma informação de contato.

Felizmente, através do retargeting, você pode executar um anúncio altamente personalizado e direcionado a essas pessoas no Facebook. Esses anúncios geralmente incluem um incentivo, como frete grátis ou 10% de desconto, caso a pessoa volte para finalizar a compra.

Eu descobri que o uso de vídeos divertidos nesse tipo de anúncio é capaz de proporcionar resultados ainda mais impressionantes. Criei um anúncio para carrinhos de compras abandonados para a Startup Drugz, que inclui um vídeo de 30 segundos no qual eu digo aos espectadores que os carrinhos têm sentimentos e que ficam tristes quando alguém os abandona. Pode parecer bobo, mas essa campanha teve um retorno de 20x sobre o investimento.

4. Anúncios de agradecimento ao cliente

Anúncio Obrigado

Muitos empreendedores têm o mau hábito de focar todos os seus esforços de marketing na transformação de leads em clientes – e parar por aí! Esse é um grande erro. É muito mais fácil transformar um cliente de primeira viagem em cliente fiel do que transformar um “cold lead” (prospect que você nunca contatou antes) em cliente de primeira viagem. De fato, é de 6 a 7 vezes mais caro adquirir um cliente novo do que manter um cliente atual.

É por isso que investi em fazer anúncios de agradecimento para minha loja online. Durante dois dias após a compra, os clientes novos visualizam um anúncio que inclui um vídeo de 30 segundos comigo lhes agradecendo pessoalmente pela compra. Esse vídeo produziu um número significativamente maior de engajamento e alcance orgânico por impressão do que qualquer outro anúncio que eu já criei.

Meu objetivo, com esse anúncio, era apenas criar fidelidade à marca e aumentar a satisfação dos clientes, mas, surpreendentemente, ele também conseguiu transformar um grande número de clientes de primeira viagem em clientes fiéis dentro de apenas dois dias da compra inicial deles.  

5. Anúncios de novos produtos para clientes atuais

Como afirmei anteriormente, os empresários muitas vezes não investem o suficiente no marketing para seus clientes atuais. É incrível, considerando que a probabilidade de gerar uma venda a partir de um cliente novo é de 5 a 20%, enquanto que essa mesma probabilidade com clientes atuais gira em torno de 60 a 70% (fonte em inglês).

O mais surpreendente é o fato de que os clientes fiéis gastam uma média de 33% a mais, em comparação com os clientes novos, e também o fato de que 80% dos seus lucros futuros serão originados de apenas 20% dos seus clientes atuais.

Com esses dados a respeito dos clientes fiéis, fica óbvio que, quando você lançar um produto novo, o primeiro anúncio a se fazer deverá ser um comunicado de lançamento direcionado aos seus clientes atuais. Considere aproveitar o conteúdo desse anúncio para expressar sua gratidão e oferecer uma recompensa exclusiva. Todo mundo gosta de se sentir importante e valorizado!

6. Anúncios de geração de tráfego novo

Fazer retargeting é ótimo, mas, a menos que você esteja produzindo tráfego de alta qualidade no seu site, não será muito eficiente. Sempre vale a pena manter uma campanha no Facebook que direcione novos clientes em potencial à sua loja virtual. Costumo chamar esse tipo de campanha de anúncio de touch point inicial, pois provavelmente será a primeira vez que as pessoas que visualizarem o anúncio ouvirão falar da sua marca.

Esse tipo de anúncio normalmente possui um CTR (taxa de cliques) menor e CPC (custo por clique) maior do que as campanhas de retargeting, pois você não sabe muito sobre as pessoas que visualizarão seus anúncios. Entretanto, existem diversas formas de diminuir o custo e aumentar o desempenho de um anúncio de touch point inicial.

Comece com um público semelhante

Audiência do Cliente

Caso já possua uma lista de clientes atuais ou prospects, você poderá importá-la facilmente ao Gerenciador de Anúncios, em forma de um novo público personalizado. Assim que esse público estiver pronto, você poderá utilizá-lo para criar um público semelhante de 2 a 20 milhões de pessoas. Esse público novo incluirá os usuários do Facebook que mais correspondem aos seus clientes atuais, tornando-os mais fácil de segmentar.

Use o “Graph Search” e “Audience Insights”

Audience Insights

O Facebook oferece uma ampla variedade de ferramentas gratuitas aos anunciantes. O “audience insights” permite que você descubra diversos dados demográficos, comportamentais e de interesses a respeito de todos os usuários do Facebook. Você pode aproveitar melhor esses dados ao filtrar a busca por páginas, interesses, localidades e dados demográficos específicos.

É possível saber mais sobre seu público-alvo potencial ao inserir as páginas dos seus concorrentes no “audience insights”. Essa busca fornecerá uma quantidade incrível de dados sobre os usuários do Facebook que curtem as páginas dos seus concorrentes, os quais você pode utilizar para segmentar seus primeiros anúncios no Facebook.

Teste A/B

Teste A/BÉ sempre uma boa ideia realizar testes A/B nos seus anúncios do Facebook, independentemente do tipo de anúncio. Porém, é essencial testar seus anúncios de touch point inicial. Para uma campanha nova, crie entre 2 e 3 opções de conteúdo textual e entre 2 e 3 opções de conteúdo visual. Teste essas variações com múltiplos públicos.

Não é preciso gastar muito dinheiro para fazer isso corretamente. Você pode gastar alguns dólares por dia em cada variação durante uma semana, e, então, analisar os resultados. Com a análise dos dados, você poderá ampliar o investimento de acordo com seu conteúdo textual e visual (bem como seu público) de melhor desempenho.

Para começar a anunciar de maneira bem-sucedida no Facebook, inicie com pouco, experimente, avalie os resultados e repita. Os seis tipos de anúncios mencionados neste artigo podem servir como base para que você construa a estratégia de longo prazo da sua empresa no Facebook. Agora, pare de ler e comece a testar!

Gostou do artigo ou teve alguma dúvida sobre como fazer anúncios no Facebook? Conte para nós nos comentários abaixo.


Which method is right for you?Sobre a autora

Gabriela Jungblut é editora-chefe do blog da Shopify em português, gestora de marketing de conteúdo para o mercado brasileiro, tradutora e intérprete de conferências.

Post original em inglês: Maxwell Finn

Você tem dúvidas sobre a Shopify?

Escreva um e-mail para a nossa equipe de atendimento em português!

atendimento@shopify.com

Tópicos:

Comece já o seu teste grátis de 14 dias.