Como Anunciar no Facebook: Uma Introdução

Como Anunciar no Facebook: Uma Introdução

Como anunciar no Facebook

De acordo com o Statista, o Facebook tem mais de um bilhão de usuários ativos por mês. Com os anúncios do Facebook, você tem a oportunidade de apresentar o seu negócio e os seus produtos a essa enorme e ativa base de usuários. Muitas empresas de e commerce têm sido capazes de aproveitar ao máximo essa oportunidade e têm crescido significativamente seus negócios com os anúncios do Facebook. Os varejistas online como Pigtails and Ponys, uma marca de acessórios para cabelo, e Joseph Nogucci, uma marca de design de jóias, tiveram e continuam a ter muito sucesso com esses anúncios. 70% da base de clientes da Pigtails and Ponys foi adquirida através dos anúncios do Facebook e Joseph Nogucci viu um retorno de sete vezes sobre os seus gastos com anúncios.

Quando você pensa em criar anúncios no Facebook para a sua empresa, talvez você comece a pensar se é muito caro, se é muito difícil de mexer ou se ainda é cedo demais para a sua empresa pagar por um anúncio.

Neste artigo, destacarei os princípios básicos e fundamentais dos anúncios do Facebook e darei uma descrição sumária da plataforma. Em um artigo futuro, ensinarei, passo-a-passo, como criar o seu primeiro anúncio. Por agora, vamos entrar no mundo dos anúncios do Facebook e de como eles são apresentados para as empresas de e commerce.

Quem Pode Criar Anúncios?

Qualquer pessoa que tiver uma conta no Facebook. Para aproveitar os anúncios ao máximo, é recomendado criar ou ter uma Página do Facebook onde eles possam ser anexados. Isso lhe dará mais opções em termos de colocação e tipo de anúncio quando for criá-lo.

Porque a Sua Empresa Deve Considerar os Anúncios do Facebook

O motivo para tantos negociantes adorarem o Facebook é a alta especificidade que se pode obter com o direcionamento do seu anúncio. Como o Facebook reúne tantos detalhes e informações únicas de seus usuários, se você quisesse, por exemplo, vender botas com biqueiras de aço, seria possível encontrar um pedreiro de 33 anos em Wyoming que curte a página do Facebook da Caterpillar Inc.

Com cada anúncio que criar, é possível escolher quanto deseja oferecer para exibi-lo ao seu público-alvo, além de poder pagar de acordo com o custo por clique (CPC) ou o custo por 1000 impressões (CPM).

Para ter uma ideia do que você pode pagar, o site Statista relata que no terceiro trimestre de 2014, as empresas de e commerce viram uma média de custo por clique de $0,49 no Facebook. Você também tem total controle sobre a sua oferta máxima, o seu orçamento por dia e o orçamento total para a sua campanha. É possível começar a testar os anúncios por apenas $1 por dia para avaliar o tipo de interação que você recebe antes de gastar mais do que o seu orçamento nos anúncios do Facebook.

Por último, como mencionado no início deste artigo, muitas empresas de e commerce já estão tendo sucesso com os anúncios do Facebook. A MVMT Watches teve um custo três vezes menor por aquisição no Facebook quando comparado a outros canais de anúncio e a Bestowed, um serviço por subscrição de entrega de alimentos saudáveis, teve um retorno de cinco vezes sobre os gastos com anúncios e aumentou o tráfego do seu site em 30% com os anúncios do Facebook.

Onde Você Pode Anunciar no Facebook?

A primeira parte de anunciar no Facebook é decidir onde você quer que os seus anúncios sejam exibidos. Você pode optar por exibir a promoção do seu negócio em diferentes locais do Facebook, ou até mesmo em todos eles.

anunciar no Facebook

Olhando para o gráfico acima, da esquerda para a direita, temos anúncios para celular e para computador que levam em conta anúncios em barras laterais e em feeds de notícias.

Anúncio em feed de notícias para celular

Os anúncios para celular, que mostram anúncios no feed de notícias dos usuários móveis, tendem a ter uma maior taxa de cliques do que os anúncios para computadores. O Qwaya constatou um aumento de 3 vezes na sua taxa de cliques nos anúncios para celulares quando comparado aos anúncios para computadores.

Facebook CTR

via Qwaya

Embora essa informação seja valiosa, também significa que você precisa garantir que o seu site seja otimizado para celulares. Felizmente, se estiver usando o Shopify, todos os temas do Shopify são responsivos e fornecem uma experiência de checkout otimizada para dispositivos móveis.

Os anúncios para computadores têm duas opções diferentes de colocação. A primeira é a barra lateral, que permite exibir um anúncio sem que seja preciso ter uma página no Facebook. A outra opção de colocação é no feed de notícias. De acordo com o AdEspresso, o feed de notícias recebe mais interação do que as barras laterais; no entanto, criar esse tipo de anúncio exige que você tenha uma página no Facebook.

Por último, o Facebook lançou a Audience Network ano passado que permitiu que os anunciantes colocassem anúncios em aplicativos móveis.

Diferentes locais para anunciar em um aplicativo móvel

Anunciar em um aplicativo móvel

via Facebook

Tipos de Anúncio do Facebook

Existem vários tipos diferentes de anúncio de Facebook, mas vamos dar uma olhada nos que, como empresários de e commerce, fazem mais sentido e que serão mais úteis. Além disso, observe que os tipos de anúncios falados aqui são para feed de notícias para celulares e computadores. Os anúncios para barras laterais não levarão em conta os elementos discutidos abaixo, uma vez que eles são mais restritivos por não exigirem uma página do Facebook.

Anúncios de Publicações de Página

Anúncios de Publicações de Página

via Facebook

Estes são anúncios que exigem uma página do Facebook para criar. Basicamente, eles são exatamente como publicações de fotos ou links que você pode criar como uma atualização de status para a sua página.

Anúncios Multi-produtos/Carrossel

Anúncios Multi-produtos - Carrossel

via Facebook

Estes anúncios permitem divulgar múltiplos produtos em uma única publicação. Isso é útil quando você quer exibir o seu catálogo ou mostrar diferentes variações do seu produto.

Anúncio de Postagem de Vídeo em Página

Anúncio de Postagem de Vídeo em Página

via Facebook

Os anúncios em vídeo reproduzem automaticamente em silêncio até que o usuário do Facebook toque sobre ele para ativar o áudio.

Para cada tipo de anúncio acima, é possível escolher um objetivo. É para isso que o Facebook tentará otimizar o seu anúncio, mostrando-o aos usuários que são mais propensos a executar a ação desejada. No momento da escrita deste artigo, existem 11 Objetivos de Anúncios diferentes. É provável que você não vá usar a maioria deles para o seu negócio de e commerce, mas vamos analisar rapidamente cada um.

  • Cliques no Site – Paga sempre que alguém clicar no seu anúncio e visitar o seu site.
  • Conversões no Site – Paga por cada conversão no seu site. Isso é rastreado com um “pixel de conversão”, um fragmento de código que é colocado na página-alvo – para um negócio de e commerce, isso seria a outra página de confirmação/agradecimento. Quando um usuário do Facebook visita essa página (por exemplo, depois de finalizar um pedido ou comprar um produto), isso é gravado como uma conversão no Facebook.
  • Envolvimento com a Publicação da Página – Paga pela interação que a sua publicação recebe, como curtidas, comentários e compartilhamentos.
  • Curtidas na Página – Paga para aumentar a quantidade de Curtidas da sua página.
  • Instalações do Aplicativo – Paga por cada instalação do seu aplicativo móvel ou de desktop.
  • Envolvimento com o Aplicativo – Paga quando os usuários interagem com uma parte específica do seu aplicativo.
  • Obtenções da Oferta – Paga para promover um desconto ou acordo para a sua loja.
  • Divulgação nas Imediações – Paga para exibir o seu anúncio para usuários perto de você.
  • Participações no Evento – Paga para promover um evento no Facebook.
  • Visualizações do Vídeo – Paga para promover um vídeo com base em visualizações.
  • Anúncio Dinâmico de Produtos – Paga para promover produtos relevantes para usuários que já visitaram o seu site de e commerce.

Exemplo de anúncio dinâmico de produto
via Facebook
Os comerciantes do Shopify que vivem nos EUA também podem usar o botão de chamada para ação “Comprar” do Facebook. Este botão permite que os consumidores comprem facilmente itens que vêem em seus Feeds de Notícias ou em Páginas sem sair do Facebook.
botão de comprar do Facebook

Independentemente do objetivo de publicidade que escolher, você pagará ainda por Curtidas, Compartilhamentos, Comentários e qualquer outro tipo de envolvimento que ele receber. No entanto, como mencionado anteriormente, dependendo do objetivo escolhido, o Facebook otimizará o anúncio e o mostrará para os usuários que são mais propensos a executar a ação desejada.

Qual É o Seu Objetivo?

Escolher e criar o tipo certo de anúncio se baseia no que você quer alcançar com o seu anúncio do Facebook. Caso queira criar um anúncio que gere compras ou inscrições por e-mail, então ‘conversões no site’ é um bom objetivo para ele. Se você só quiser mais Curtidas na sua página do Facebook, então criar um anúncio para ‘curtidas na página’ é a sua melhor opção.

Naturalmente, o objetivo final de publicidade de cada empresário de e commerce é gerar vendas no site; no entanto, não há “um único” tipo de anúncio que garantirá isso. Cada empresa é diferente e os clientes de cada uma são diferentes, o que significa que você deve explorar cada tipo de anúncio e objetivo e ficar de olho na sua concorrência no Facebook para ver que tipos de anúncios eles publicam.

Que Tipo de Usuários do Facebook Você Quer Alcançar?

Facebook Você Quer Alcançar

via Facebook

O Facebook tem uma variedade de opções quando se trata de escolher o seu público-alvo. A maioria das opções fornece opções mais detalhadas para o direcionamento de usuários no Facebook. É recomendável explorar cada uma delas para compreender totalmente o que está disponível em termos de segmentar o seu anúncio. No Facebook, é possível direcionar os usuários com base em:

  • Localização
  • Idade
  • Sexo
  • Idioma
  • Relacionamento
  • Educação
  • Trabalho
  • Afinidade Étnica
  • Geração
  • Pais
  • Política
  • Eventos Cotidianos
  • Interesses
  • Comportamentos
  • Conexões

Para compreender melhor todas essas opções de direcionamento, leia a documentação do Facebook sobre o direcionamento do público.

Para os anunciantes mais experientes, é possível criar o que o Facebook chama de “públicos personalizados”. Usar coisas como a sua lista de e-mail ou um pixel de redirecionamento permite direcionar ou até mesmo excluir um público muito específico em seus anúncios. 

O site Social Media Examiner sugere criar um anúncio separado para cada interesse/tema. Então, em vez de incluir quatro interesses diferentes em um único anúncio para o seu público-alvo, crie quatro anúncios diferentes para cada interesse que deseja alcançar. Dessa forma, é possível ver qual interesse tem um melhor desempenho. Por exemplo, se estiver vendendo correias para guitarra, crie um conjunto de anúncios direcionado a usuários com Gibson SG como interesse, etc.

Seu Primeiro Anúncio

Existem três maneiras diferentes de criar um anúncio: diretamente da sua página do Facebook, usando o Gerenciador de Anúncios e usando o Power Editor.

Diretamente da sua página, você pode escolher impulsionar as publicações feitas (para alcançar usuários do Facebook que não curtem a sua página ou para alcançar mais dos seus fãs) ou até mesmo impulsionar a sua página para ganhar mais curtidas.

Seu Primeiro Anúncio no Facebook

via Facebook

Uma maneira de criar um anúncio é através do Gerenciador de Anúncios. Este é o método com o qual a maioria dos usuários começa. É mais fácil de acompanhar e o processo é um pouco mais simples do que usar o Power Editor mais avançado.

Power Editor mais avançado

via Facebook

Com o Power Editor, que é o mais recomendado, a aprendizagem é um pouco gradual (não muito), mas ele tem mais recursos do que o Gerenciador de Anúncios. Aprender a usar o Power Editor para criar anúncios facilitará, no futuro, a divisão de forma rápida e fácil de anúncios de teste, a criação em massa de anúncios, a publicação de anúncios para diferentes públicos e diferentes orçamentos. O Power Editor também recebe recursos de publicidade antes de serem lançados no Gerenciador de Anúncios.

 Power Editor mais avançado Facebook

via Facebook

Ao criar um anúncio, cada um é colocado em três subgrupos: Campanhas, Conjunto de Anúncios e Anúncios. As Campanhas são os grupos gerais para os seus anúncios, que contém subgrupos conhecidos como Conjunto de Anúncios. Cada Conjunto pode conter diferentes anúncios.

Facebook ads 
via Facebook

Cada grupo e subgrupo permite definir e alterar diferentes aspectos da sua campanha de publicidade. Então, alterar o objetivo de uma Campanha fará isso para todos os seus anúncios dentro da campanha. Alterar o orçamento de um Conjunto de Anúncios mudará o orçamento de todos os anúncios dentro dele.

Aqui está um resumo dos componentes de anúncios que você pode gerenciar dentro de cada grupo:

componentes de anúncios
via Facebook

Criando o Seu Anúncio

Uma maneira fácil e rápida de começar é com um anúncio de publicação de página que rastreia as conversões no site ao colocar o pixel de rastreamento de conversão na sua página de conclusão de compras. Os anúncios de publicação de página não exigem muita configuração como os de multi-produto e não tomam muito tempo de produção criativa como um anúncio em vídeo. Naturalmente, também será bom testar esses tipos de anúncio, mas para começar, um anúncio de publicação de página no feed de notícias é um excelente ponto de partida.

Ao decidir o objetivo, de acordo com o Kissmetrics, os anúncios do Facebook que usam uma conversão de baixo atrito geralmente têm um melhor desempenho. Por exemplo, pedir para um usuário do Facebook se inscrever em uma lista de e-mail é bem mais fácil e renderá mais conversões do que pedir para um usuário fazer uma compra. Conseguir o e-mail primeiro e depois usar o desenvolvimento de afinidade e relação para, eventualmente, pedir a venda, pode funcionar melhor. Isso significa que você deve considerar outros tipos de anúncios além de apenas vender diretamente no Facebook.

Uma dica rápida ao criar a cópia e as imagens para o seu anúncio: tente combiná-las com a cópia e a imagem da sua página de início. A WhichTestWon constatou um aumento nas conversões em 115% quando a cópia do anúncio combinava com a da página de início.

Aprovação e Diretrizes do Anúncio

Antes de enviar o seu anúncio para o Facebook, procure examinar as Diretrizes de Publicidade do Facebook para garantir que o seu anúncio não viole quaisquer regras, o que facilitará o processo de aprovação.

Uma coisa rápida a considerar é a quantidade de texto que você pode colocar na imagem para o seu anúncio. O Facebook permite que apenas 20% da imagem do anúncio contenha texto. Use a ferramenta de grade do Facebook para lhe ajudar a determinar se a sua imagem tem mais de 20% de texto.

Depois de enviar um anúncio para o Facebook, ele passa por um processo de aprovação. Geralmente, o Facebook é muito rápido para aprová-los. Ele pode ser aprovado dentro de alguns minutos ou algumas horas. Se for o seu primeiro anúncio, pode levar um pouco mais de tempo. Você receberá um e-mail e uma notificação no Facebook quando o processo estiver finalizado.

Caso esteja com dificuldades para fazer com que o seu anúncio seja aprovado, você pode entrar em contato com o suporte do Facebook para resolver o assunto.

Relatórios de Anúncios do Facebook

Assim que o seu anúncio for aprovado e estiver publicado, é importante monitorá-lo para garantir que tenha um bom desempenho. Vá até o Gerenciador de Anúncios e clique no seu anúncio para obter um relatório mais detalhado. Você pode visualizar o relatório contínuo e passado de qualquer anúncio, independentemente de onde o tenha criado.

Relatórios de Anúncios do Facebook

via Facebook

Algumas métricas importantes para monitorar e comparar os seus anúncios são:

  • Conversões: Quantos usuários executaram a sua ação desejada.
  • Alcance: Quantos usuários do Facebook viram o seu anúncio. (não confundir com impressões, que é o número total de vezes que o seu anúncio foi visto)
  • Custo: Geralmente medido em custo por ação. Isso lhe dará uma ideia de quanto você está gastando para fazer com que usuários do Facebook executem a sua ação desejada.
  • Frequência: A quantidade de vezes, em média, que o seu anúncio é mostrado a um usuário.
  • Taxa de Cliques: A percentagem de usuários que clicam no seu anúncio. Quanto maior, melhor.

Se você está se perguntando “qual é uma boa taxa de cliques?” ou “qual é um bom X?”, depende e não há realmente uma referência para tentar igualar. Use essas métricas para comparar os seus anúncios. Se um anúncio tiver uma CTR (taxa de cliques) significativamente maior do que o outro, talvez seja hora de fazer uma pausa no anúncio com pior desempenho para economizar dinheiro.

Você também pode editar anúncios no Gerenciador de Anúncios, além de pausar ou excluir qualquer um.

Sua Vez

Caso ache que os anúncios do Facebook são a próxima etapa lógica para o seu negócio de e commerce e se tiver vontade de experimentá-los, faça isso. Lembre-se que você pode definir um orçamento mais reduzido de acordo com o seu gosto, mas não se esqueça de ter expectativas realistas e fazer experimentos com os seus anúncios.

Se tiver alguma pergunta sobre criar o seu primeiro anúncio do Facebook ou se precisa que eu esclareça uma etapa ou processo mencionado neste artigo, fique à vontade para deixar um comentário abaixo. Eu interajo com todos e respondo a todas as perguntas.

Tópicos:

8 comentários

  • Baltazar Antunes
    Baltazar Antunes
    August 19 2015, 08:21PM

    Em 2015 tudo parece continuar centrado no Facebook e por isso faz todo o sentido apostar na publicidade lá, para chegar a milhares de potenciais clientes num instante. Acho que o passo mais importante na criação de anúncios é saber como segmentar cada um de acordo com o público-alvo. Não é útil, e até é desagradável, ter um produto destinado por exemplo a adolescentes e aparecer listado nas páginas de pessoas na casa dos 40, 50 anos. De resto, e mesmo apesar de dar um pouco de trabalho, a publicidade no facebook é um dos meios mais rápidos de divulgar algum produto/empresa hoje em dia.

  • Tassia B
    Tassia B
    August 20 2015, 02:28AM

    Toda a expansão comercial do Facebook, me faz pensar se isso não foi tudo pensado la atras, quando a rede social foi criada! Claro que não acredito que seja o caso, porem, não deixa de ser um exemplo perfeito onde foi criada uma ambientação perfeita de socialização entre as pessoas, para depois introduzir empresas e produtos, fazendo isso com muita naturalidade. Os anúncios de Facebook se mostram muito próximos as pessoas, e tendem a ser cada vez mais bem aceitos.

  • Nuno Monteiro
    Nuno Monteiro
    August 20 2015, 08:24AM

    Adorei o artigo, o Facebook é uma excelente maneira de anunciar um produto, o facto de poder personalizar a quem se direciona o anúncio é óptimo e permite fazer chegar diferentes produtos ao seu respectivo público-alvo.

  • Lucas P.
    Lucas P.
    August 20 2015, 04:43PM

    Fiquei interessado no futuro post sobre o passo-a-passo do primeiro anúncio no Facebook. Saber que só fato de anunciar o negócio no Face já permite a obtenção de vários dados para avaliação do nosso público, já tem um valor incrível.
    Acredito que para o e-commerce é uma ferramenta essencial para deslanchar as vendas e conquistar novos clientes.

  • Lara S.
    Lara S.
    August 20 2015, 07:11PM

    Bem menos complicado do que eu pensava. O Facebook oferece para as marcas uma quantidade imensa de informação dos seus consumidores e potenciais consumidores que praticamente nenhuma outra ferramenta oferece de forma tão natural. É um dos melhores espaços para se comunicar com o público que a gente quer de uma forma bem segmentada e sem parecer invasivo.

  • Kauê Bitencourt
    Kauê Bitencourt
    August 20 2015, 08:57PM

    Todos estão no Facebook e acredito que ali seja um ótimo lugar para divulgar o seu produto. Confesso que como usuário eu não gosto de anúncios na minha timeline, mas acredito que eles atingem muita gente que, diferente de mim, vai lá, clica e compra. Mesmo que eu nem sempre clique nos anúncios, as vezes paro e leio, as vezes leio sem querer e fico com o produto em mente. Como o Facebook tem varias informações dos usuários, fica muito mais fácil de direcionar os seus anúncios para as pessoas certas, eu acredito que esse direcionamento, fora a grande quantidade de usuários, seja o fator mais interessante de se anunciar no Facebook.

  • Wolney Vasconcelos
    Wolney Vasconcelos
    August 24 2015, 07:32AM

    1 bilhão de usuários ativos por mês eh um número muito grande, mesmo para a internet! O artigo mostra como o seu negócio pode ser visto pelas pessoas certas de forma fácil, simples e eficaz. Gostei muito da variedade de métodos que se pode comprar com os anúncios! Parece até que foi feito pensando em eu gastar menos, ao contrário de outros que parecem que não levam o pequeno empreendedor em consideração.. Muito bom o artigo e muito útil! Obrigado!

  • Eugénia Salvador
    Eugénia Salvador
    August 26 2015, 06:46PM

    Gostei do artigo.Já fiz algumas campanhas.Aparecem muitos interessados,mas com muita conversa e para decidir ,pouco ou quase nada.

    A minha pagina tem 4905 gostos a muito tempo.Umas vezes sobe,outras desce,mesmo com cada vez mais gostos,aumentando todas as semanas.
    O que me faz pensar que de alguma forma o Facebook trava a ascensão da pagina.
    Assim queria fazer outras campanhas ,mas não sinto segurança.

    Se a página atingir 5000 gostos,fica fechada.

    Como posso fazer uma campanha,com publicidade no Feed e na parte lateral direcionando as respostas para o email.E possível?

    Agradeço resposta

Deixe um comentário ...

Comece já o seu teste grátis de 14 dias.