Como ganhar dinheiro extra com 8 hobbies que todo mundo tem (pelo menos um!)

Como ganhar dinheiro extra com 8 hobbies que todo mundo tem (pelo menos um!)
how to make money with your hobbies

Todo mundo tem algum hobby, aquele passatempo divertido e gratificante com o qual ocupamos o nosso tempo livre.

No entanto, algumas dessas atividades podem se transformar em um canal de renda se estivermos dispostos a levá-las a sério. Dependendo de como você administra os seus talentos e interesses, é possível lucrar com atividades que já fazem parte do seu cotidiano sem gastar dinheiro ou investindo aquela grana extra na consolidação de uma plataforma ou negócio virtual para vender produtos seus ou de outras pessoas. 

Venha conhecer os oito hobbies cotidianos que podem ser monetizados de diversas formas, seja com trabalho freelancer ou associando-se a alguma plataforma ou rede, seja no desenvolvimento de um público-alvo ou simplesmente abrindo um negócio.

Template Icon

Encontre um produto e comece a vender hoje mesmo!

Quer abrir uma loja virtual mas não sabe o que vender? Com a ajuda do nosso guia gratuito e completo, você encontrará produtos com grande potencial de vendas.

Baixar o guia grátis

1. Escrita

how to make money from writing

A redação e a publicação de textos online podem oferecer um valor comercial que ultrapassa a função de passatempo. Aproveite esse hobby para desenvolver sua própria carreira e se consolidar como especialista de um determinado assunto. Você pode tanto criar uma plataforma para compartilhar as suas ideias quanto vender os seus textos para terceiros.

A forma mais óbvia de ganhar dinheiro escrevendo é vender essa atividade como um serviço, trabalhando como escritor freelancer em sites como o Comunica Geral ou o Fiverr, ou até mesmo entrando em contato direto com blogs para projetos remunerados. Em geral, o mercado está sempre à procura de bons redatores com algum tipo de especialização. 

Porém, se você é disciplinado e sabe como escrever um bom post, desenvolva o seu negócio a partir de um blog, dedicando-se a um nicho de sua escolha, e vá construindo seu público com o passar do tempo.

Não importa se a sua praia é tecnologia, viagens ou culinária, o nosso guia traz tudo o que você precisa saber para começar a ganhar dinheiro extra com o seu blog.

Mais fontes de inspiração: 

  • O blog Vida Organizada foi criado para ajudar as pessoas a se organizarem em busca de mais qualidade de vida. Hoje, ele é referência na área, oferecendo consultorias, cursos e livros para milhares de seguidores.
  • O canal Indiretas do bem desenvolveu um negócio em torno da ideia que duas amigas tiveram de apaziguar os ânimos das pessoas nas redes sociais com indiretas bem intencionadas.

2. Ilustração/Design

how to make money from drawing

Assim como a escrita, a ilustração e o design são atividades que se encaixam no formato de trabalho freelancer. O Fiverr é o lugar onde muitos artistas novos, com variados estilos de ilustração, encontram clientes, seja para trabalhar em projetos de marketing ou para desenhar retratos personalizados.

Mas se você é o tipo de pessoa que prefere ter mais controle sobre o seu trabalho, há ainda a opção de estampar a sua arte em objetos para vendê-los, como camisas, pôsteres e quadros. Entenda que, para transformar a sua arte em produto, você terá que atender a um mercado específico ou criar uma marca exclusiva — e a primeira opção costuma ser o caminho mais fácil a se trilhar.

A Touts é um ótimo exemplo de plataforma para artistas disponibilizarem seus trabalhos em objetos que as pessoas têm interesse em comprar.

A grande vantagem desse tipo de canal é que você não precisa desembolsar um investimento inicial para desenvolver um estoque dos seus produtos. Os serviços de impressão ou produção sob demanda oferecem uma maneira menos arriscada de monetizar a sua arte vendendo roupas e objetos de decoração para casa. Basta criar os modelos dos seus produtos para disponibilizá-los na internet. Depois das primeiras vendas, você terá uma noção de quais designs e ilustrações são mais procurados para, então, considerar investir no seu próprio inventário.

📚 Para se aprofundar nesse assunto, confira os artigos a seguir:

3. Humor

how to make money from jokes

Você é bom em fazer as pessoas rirem? Está por dentro dos melhores memes do momento?

Que tal pegar todo esse senso de humor e usá-lo para construir seu público na internet?

Aposto que você consegue pensar em vários perfis nas redes sociais, seja no Instagram, no Facebook, no YouTube ou no Twitter, que acumulam milhões de seguidores simplesmente fazendo uma curadoria de vídeos e memes virais ou atuando em um nicho de humor ainda inexplorado.

É o caso do Porta dos Fundos, que criou o próprio canal de humor no YouTube e conta com mais de 13 milhões de inscritos e uma loja virtual, da Gina Indelicada (com quase 7,5 milhões de seguidores) e da Nazaré Amarga, com seus memes de nicho da personagem Nazaré.

Assim que você consolidar o seu público, busque firmar parcerias com marcas para criar posts patrocinados ou transformar seus jargões cômicos e piadas em camisetas e outros produtos.

Seguem abaixo alguns bons exemplos de humor monetizado:

  • Um sábado qualquer é uma série de quadrinhos cômicos criada pelo designer gráfico Carlos Ruas, que aborda temas bíblicos com humor suave, conquistando milhões de fãs, ateus e religiosos.
  • Não salvo é o maior blog brasileiro de humor na internet e já virou referência em publicidade digital
  • O canal de Whindersson Nunes, o maior youtuber comediante do Brasil

4. Culinária

how to make money from cooking

A comida se tornou uma forma de arte digna de ser registrada em fotos elaboradas, que exigem tempo de aperfeiçoamento como qualquer outro ofício artístico. Essa tendência não envolve apenas chefs amadores, mas também fãs da cozinha ansiosos para explorar novos sabores com paletas de cores ousadas para clicar seus experimentos.

A culinária é um hobby que pode ser compartilhado com todo mundo de diferentes formas, seja através de um blog, canal no YouTube ou perfil no Instagram dedicado a receitas, ou mergulhando de cabeça em um empreendimento de verdade, criando seus próprios pratos e linha de acessórios para cozinha. Alguns chegam até a botar o pé — e o negócio — na estrada a bordo de seus food trucks.

Outro hábito comum atualmente é ver as pessoas levando seus celulares para a cozinha, para pesquisar novas receitas e modos de preparo na internet. Um sinal dessa tendência são os inúmeros aplicativos culinários disponíveis na App Store ou no Google Play. Portanto, existe um mercado de chefs amadores em busca de conteúdo (e produtos) esperando para ser atendido.

Mais fontes de inspiração: 

  • Rita Lobo é uma chef com ampla presença nas redes sociais. Além do Panelinha, seu canal no YouTube, Rita também está à frente do programa Cozinha Prática da GNT.
  • A Pequena Cozinha começou como um serviço de entrega de refeições na Zona Norte carioca que usava o Facebook como sua principal plataforma de divulgação. Sua presença nas mídias sociais cresceu junto com a amplitude de seus projetos: hoje, a empresa administra uma cozinha colaborativa na zona portuária do Rio, onde oferece cursos e serviços de catering, sem abandonar suas origens com o delivery de pratos saborosos.
  • Se você quer trabalhar com gastronomia, não deixe de conferir essas dicas para usar o Instagram.

Baixe fotos grátis de comida de alta qualidade

O Burst é um banco de imagens grátis criado pela Shopify. Encontre milhares de imagens de produtos e estilo de vida de diferentes nichos. Utilize as imagens na sua loja e em suas campanhas de marketing.

Baixe fotos grátis

5. Viagens

how to make money traveling

Se você adora viajar e tem uma lista quilométrica de destinos de férias, eis a desculpa perfeita para carimbar seu passaporte com mais frequência.

De acordo com um estudo realizado pelo Boston Consulting Group, as pessoas têm dado preferência ao consumo de experiências, não de bens materiais.

Tal constatação vai ao encontro das previsões feitas por Sarah Owen, editora sênior de marketing e mídias digitais da WGSN, empresa líder em previsão de tendências de moda e consumo. A especialista afirma que a onda de viajar o mundo como uma opção de estilo de vida está ganhando força. Com isso, cada vez mais influenciadores digitais estão compartilhando conteúdo que conote uma vida bem viajada em vez de mostrar apenas as peças de seus guarda-roupas, tão saturados quanto o nicho da moda.

Confira as nossas dicas para ganhar dinheiro extra no Instagram ou no YouTube e descubra diferentes formas de monetizar uma marca cujo foco do conteúdo é viajar.

De forma mais indireta, seguir um estilo de vida de nômade digital pode ajudá-lo a alimentar essa paixão por viajar enquanto você percorre os quatro cantos do mundo. Além de fazer contatos e introduzir seus produtos em novos mercados ao longo do caminho, lembre-se de que um negócio virtual pode ser gerido de qualquer lugar que ofereça uma boa conexão com a internet.

O blog Nômades Digitais e o canal Casal Partiu são ótimos exemplos de negócio cujos fundadores estão vivendo o nomadismo digital.

6. Fotografia

how to make money from photos

Se você tem uma câmera fotográfica boa e sabe usá-la, há um leque de possibilidades para gerar renda extra.

Embora a opção de se tornar fotógrafo freelancer seja boa, em geral, esse profissional fica limitado a eventos locais, que exigem sua presença física.

Uma opção mais escalável é vender suas fotos em sites de fotografia ou em formato impresso. Não se esqueça de que você também pode usar suas habilidades fotográficas para reunir uma multidão de seguidores no Instagram e monetizar o seu perfil nessa rede social. Basta escolher o seu nicho de atuação ou um “estilo de vida” que você pretende capturar nos seus cliques.

Você sabia que os fotógrafos profissionais figuram entre os perfis mais lucrativos do Instagram? Essa relação é calculada no quanto as marcas estão dispostas a pagar por um post patrocinado, e não é preciso ter milhões de seguidores para atingir esse patamar.

Ciente desse potencial, não deixe de conferir este artigo com dicas sobre monetização e venda de fotos na internet para gerar renda passiva.

7. Jogos

how to make money playing video games

Você pode encarar a ideia de ganhar dinheiro extra jogando seus videogames favoritos com ceticismo, mas se há um padrão comum entre as sugestões deste artigo, ele está na seguinte premissa: se você consegue fazer com que as pessoas prestem atenção em você, é bem provável que você consiga ser pago para jogar.

Nesse caso, essa noção se traduz na ascensão do formato “Let’s Play”, que abriu as portas para as pessoas ganharem dinheiro com jogos, seja documentando as jogadas em vídeo ou transmitindo uma partida em tempo real no Twitch.

Assim como no YouTube, é possível lucrar nessa plataforma compartilhando receita publicitária. Entretanto, o usuário do Twitch também pode receber doações pontuais ou recorrentes (derivadas de planos de assinatura) de uma vasta comunidade de espectadores virtuais. Assim, o valor que um jogador ganha com as transmissões ao vivo é muito variável, mas essa não deixa de ser uma forma relativamente fácil de começar a gerar uma renda passiva.

Embora o grau de comprometimento necessário para ter uma renda significativa possa transformar o lazer em trabalho, você ainda pode se divertir caso opte por transmitir um jogo que você gosta muito e é bom jogando, trazendo a sua personalidade como diferencial para quem está te assistindo.

A verdade é que a indústria de jogos está crescendo rapidamente e imbuída de muita paixão. Se você é um gamer de carteirinha que entende as necessidades do mercado, você já sairá em vantagem ao empreender nesse nicho.

Que tal começar um negócio próprio do zero para atender às demandas e aos interesses de outros jogadores? Você pode se inspirar nos exemplos abaixo: 

  • Conheça as cinco empresas brasileiras que desenvolvem jogos independentes em um dos mercados mais competitivos do mundo.
  • Você já ouviu falar nos óculos Gunnar, fabricados especialmente para o público gamer?

8. Artesanato

how to make money from crafts

Se você é fã de trabalho manual e artesanato e curte a ideia de fazer suas próprias velas, bombas de sais de banho, joias e outros acessórios, que tal compartilhar essa paixão com o restante do mundo?

O adjetivo “artesanal” transmite uma noção de qualidade, zelo e exclusividade que não vemos nos produtos das lojas de departamento. Experimente testar o mercado começando em pequena escala, vendendo seus produtos para amigos, familiares, no Facebook, no Etsy e, à medida que conquistar mais clientes, considere transformar essa atividade em um negócio de verdade.

Confira alguns exemplos de negócios de artesanato e recursos que podem ajudar você a começar nessa área:

Como monetizar os seus hobbies

Em muitos casos, são os nossos “bicos”, ou seja, as atividades que fazemos de graça ou por lazer, que dão abrem portas para projetos e negócios de verdade, que podem ser desenvolvidos pela nossa própria paixão e interesse.

Assim, se você sente que precisa abrir um negócio, mas não sabe muito bem por onde começar, pense nos seus interesses e habilidades pessoais.

Com o que você ocupa o seu tempo livre e que pode ser transformado em algo maior?

Imagem de capa disponível no banco de imagens grátis Burst.


Which method is right for you?Sobre a autora

Gabriela Jungblut é editora-chefe do blog da Shopify em português, gestora de marketing de conteúdo para o mercado brasileiro, tradutora e intérprete de conferências.

Post original em inglês: Braveen Kumar

Tradução e localização: Carolina Walliter

Você tem dúvidas sobre a Shopify?

Escreva um e-mail para a nossa equipe de atendimento em português!

atendimento@shopify.com

Comece já o seu teste grátis de 14 dias.