Blogs da Shopify

SEO para e-commerce: como encontrar as melhores palavras-chave

Ecommerce SEO Course on Shopify Academy

A pesquisa de palavras-chave é, sem dúvidas, o aspecto mais importante de uma estratégia de SEO, pois é a partir dela que o conteúdo do site e os anúncios da marca serão criados.

O objetivo de uma pesquisa de palavras-chave é descobrir novas oportunidades de geração de tráfego para um site com base nos termos de busca que os clientes em potencial da marca utilizam quando pesquisam na internet.

Em outras palavras: a pesquisa de palavras-chave é o pilar de qualquer estratégia de SEO para e-commerce.

Otimizar as páginas e o conteúdo de um site com as palavras-chave certas significa potencializar o tráfego de alta qualidade que a sua loja recebe, já que o site será sugerido como um resultado importante pelos mecanismos de busca da internet.

A pesquisa de palavras-chave é mais do que simplesmente tentar adivinhar os termos mais utilizados pelo seu público-alvo. É um processo que analisa o volume de busca e a competitividade dos termos para, então, ajudar empreendedores como você a escolher as palavras-chave mais adequadas para o site.

Se você quer criar uma estratégia de SEO, mas sente que ainda está patinando no tema, não se preocupe: o objetivo deste post é mostrar como realizar uma pesquisa de palavras-chave na internet.

Vamos começar?

Como encontrar palavras-chave

Antes de começarmos o nosso pequeno tutorial, precisamos definir o conceito de “palavra-chave”.

Uma palavra-chave é qualquer palavra ou frase digitada em um mecanismo de busca, como o Google ou o Yahoo. Uma pessoa que está procurando uma receita de bolo ou que quer descobrir como assar bolos, por exemplo, poderá buscar por palavras-chave como “bolo” ou “como fazer um bolo”.

Vale lembrar ainda que as palavras-chave podem ser divididas em três modalidades, dependendo da intenção de busca do usuário:

  • Navegacional: uma palavra-chave navegacional nada mais é do que um termo que direciona o usuário até um destino específico, navegando pela internet. Se você digitar “Folha de São Paulo” no Google, por exemplo, há grandes chances de que o seu objetivo final seja navegar até o site do jornal.
  • Transacional: uma palavra-chave transacional é utilizada por usuários que estão tentando realizar uma ação específica. Um usuário que busca por termos como “comprar chuteiras de futebol”, por exemplo, claramente está tentando realizar uma compra.
  • Informacional: as palavras-chave informacionais indicam que o usuário está buscando por um tópico ou pesquisando sobre algum tema específico, mas sem um objetivo claro. É o que acontece com termos como “marcas mais populares de chuteiras”

Você tem uma ideia de negócios?

Comece o seu teste grátis de 14 dias da Shopify hoje mesmo, sem precisar de cartão de crédito!


 

Como a prioridade máxima de um e-commerce é gerar vendas, não é de se espantar que a grande maioria das marcas prefira priorizar palavras-chave transacionais e informacionais em suas estratégias de SEO.

Isso não significa dizer que, de agora em diante, você precise obrigatoriamente procurar apenas por termos de busca que tenham mais chances de gerar compras; pelo contrário! Saber qual é a intenção por trás de um termo é algo crucial para delimitar quais palavras-chave podem ser utilizadas nos diferentes espaços de um site.

Além disso, é importante lembrar que os mecanismos de busca da internet só conseguirão colocar o seu site em posição de destaque se você souber mesclar as palavras-chave com o restante do seu conteúdo de maneira natural, criando uma experiência de compra orgânica para os usuários.

Por mais que a pesquisa de palavras-chave seja um processo detalhado, que demanda tempo e cuidado, ela está longe de ser um bicho de sete cabeças. Para mostrar como é fácil começar a realizar uma pesquisa de palavras-chave, decidi compartilhar a estratégia de 3 etapas que uso rotineiramente no meu trabalho (e algumas ferramentas extremamente poderosas).

1ª etapa: criar uma lista de tópicos e temas relevantes para a marca

Faça uma pequena sessão de brainstorming para delimitar alguns tópicos centrais para a sua loja. Pense sobre o seu nicho, os produtos que você vende e o público-alvo; a partir daí, vá desenvolvendo novas questões e refinando as ideias em termos ou frases relevantes.

A seguir, algumas questões que podem ser úteis ao longo do processo:

  • O que será que um usuário está tentando encontrar quando utiliza essa palavra-chave?
  • A palavra-chave em questão é relevante para os produtos da loja?
  • Como você quer que a loja seja descoberta?
  • Quais são os termos que os seus clientes usam para descrever os produtos da loja?

    Vejamos um exemplo prático:

    Se a sua loja vende produtos para escritórios e espaços de coworking, é essencial que você saiba o termo utilizado pelos clientes em potencial. Será que eles usam “coworking”? Ou preferem buscar por “espaço compartilhado de trabalho”?

    Esse tipo de exercício ajudará você a localizar o maior número possível de palavras-chave. Vale lembrar que, apesar de muitas vezes terem significados parecidos, as palavras-chave podem variar em termos de intenção de compra, frequência de utilização e muito mais.

    Por mais que as palavras-chave transacionais sejam extremamente relevantes para uma boa estratégia de SEO, uma vez que delimitam a intenção de compra dos clientes, a sua estratégia de marketing pode se beneficiar (e muito!) com o uso de palavras-chave informacionais – especialmente nos conteúdos do blog ou em páginas que contam a história da marca.

    Além disso, ao utilizar os três tipos de palavras-chave, você consegue aumentar as chances de que o site seja encontrado nos mecanismos de busca, ao mesmo tempo em que mantém o seu objetivo final: incentivar o cliente em potencial a realizar uma compra.

    Se você vende mangueiras para jardim, por exemplo, uma das melhores palavras-chave transacionais para a loja seria “mangueira de borracha para jardim”. No entanto, também pode ser proveitoso investir em palavras-chave informacionais do tipo “como escolher uma mangueira para jardim” – um termo que pode ser muito bem integrado a um conteúdo de blog.

    Esta, afinal, é a função do brainstorming: aperfeiçoar o processo de busca para que você possa encontrar não apenas as palavras-chave que estão sendo utilizadas pelo seu público-alvo, mas também possíveis variações, associações e outros termos similares para a sua loja e os seus produtos.

    Template Icon

    Curso da Shopify Academy: SEO para iniciantes

    Cassandra Campbell, empreendedora e Especialista da Shopify, mostra como realizar pesquisas de palavras-chave e montar uma estratégia de SEO.

    Atenção: o curso ainda está disponível apenas em inglês!

    Clique aqui para participar

    2ª etapa: analisar as “pesquisas relacionadas”

    Um conceito bastante importante dentro de qualquer estratégia de SEO é o de “palavras-chave long tail”: termos de busca com três, quatro ou mais palavras.

    As palavras-chave long tail possuem um nível de competitividade bem menor do que as palavras-chave comuns, o que significa que também apresentam um nível de busca consideravelmente menor. No entanto, se utilizadas corretamente, podem gerar um tráfego altamente valioso para a loja.

    Um excelente local para encontrar essas palavras-chave é na parte inferior de qualquer página de resultado do Google. Depois de digitar uma palavra-chave importante para a sua marca, role o mouse para baixo até a parte “pesquisas relacionadas”.

    Se encontrar algum termo relevante, adicione-o à lista criada durante a primeira etapa.

    3ª etapa: use um planejador de palavras-chave para expandir a lista de termos

    Se você está procurando ferramentas que podem ajudar ou simplificar a pesquisa de palavras-chave, vale a pena conferir o Planejador de palavras-chave do Google. Além de ser gratuita, a ferramenta fornece resultados extremamente relevantes, já que capta os dados de pesquisa do próprio Google.

    Para usar o Planejador de palavras-chave do Google, você precisará primeiro criar uma conta no Google Ads.

    Outro planejador de palavras-chave bastante eficiente e altamente recomendado para o e-commerce é o SEMrush, que oferece serviços completos para estratégias de SEO.

    ATENÇÃO: a ferramenta do SEMrush é paga, de modo que pode não ser a solução ideal para empreendedores que acabaram de abrir uma nova loja ou que estão com um orçamento um pouco apertado.

    Uma outra ferramenta excepcional é o Ahrefs. Apesar de não possuir interface disponível em português, o Ahrefs é uma poderosa ferramenta profissional para empreendedores que querem refinar a utilização de palavras-chave. Se você está disposto a investir um bom dinheiro na sua estratégia de SEO, o Ahrefs pode ser um aliado e tanto!

    Mãos à obra!

    Agora que você sabe como realizar uma pesquisa de palavras-chave, já pode começar a pensar na elaboração de uma estratégia de SEO para a sua loja.

    Para encerrar, por que não retomamos as três etapas envolvidas na realização de uma pesquisa de palavras-chave?

    1. Fazer uma lista de tópicos relevantes para a loja;
    2. Analisar as “pesquisas relacionadas” e incorporar os termos úteis;
    3. Usar um planejador de palavras-chave para expandir a lista.

    A melhor parte de fazer uma lista com termos, ideias e palavras-chave é que ela pode ser aprimorada ao longo do tempo. Lembre-se: agora é o momento de expandir os seus horizontes e encontrar termos de busca bastante amplos e diversificados.

    O segundo passo é refinar a lista de palavras-chave, algo que vamos discutir na minha segunda aula do curso da Shopify Academy.

    Boa sorte!


    Which method is right for you?Sobre a autora

    Gabriela Jungblut é editora-chefe do blog da Shopify em português, gestora de marketing de conteúdo para o mercado brasileiro, tradutora e intérprete de conferências.

    Post original em inglês: Cassandra Campbell

    Tradução e localização: Marcela Lanius

    Você tem dúvidas sobre a Shopify?

    Escreva um e-mail para a nossa equipe de atendimento em português!

    atendimento@shopify.com

    Tópicos:
    SEO